Município de Castro Daire

Destaques

Defesa da floresta contra incêndios

Gestão de combustíveis num raio de 50 metros em torno das edificações.

AVISO »

Maio Pedestre 2016

Maio Pedestre 2016

Inscrições

O Município de Castro Daire encontra-se a organizar, pelo 7º ano consecutivo, o “Maio Pedestre”.

Durante o mês de maio serão realizados alguns dos percursos pedestres que o Município implementou no território, incluindo também um troço da “Última Rota da Transumância.

Esta atividade tem como objetivo dar a conhecer, a todos os participantes, experiências únicas e privilegiadas, conciliando o património natural, cultural, histórico, paisagístico, a gastronomia e a aventura envolvidos num plano de dinamização e de animação. Percorrem-se velhos carreiros de moleiros, carteiros, pastores e rebanhos transumantes, convive-se com as pessoas locais, descobrem-se recantos naturais ímpares, cascatas deslumbrantes, aldeias típicas, costumes e tradições que ainda resistem à evolução dos tempos, deixando-se invadir pelo encanto de contos e lendas imemoriais.

Venha descobrir este território, aproximando-se da natureza, procurando novas sensações, convivendo e usufruindo de momentos únicos de lazer e diversão!


“Tras-U-Manto” projeto artístico do Teatro do Montemuro

“Tras-U-Manto” projeto artístico do Teatro do Montemuro

 

“Tras-U-Manto”

“Tras-U-Manto” é próximo projeto artístico que o Teatro do Montemuro realiza em coprodução com o Município de Castro Daire e em parceria com a Associação Cultural Desportiva e Recreativa de Lamelas

Este projeto enquadra-se dentro de uma estratégia de dinamização sociocultural que temos vindo a desenvolver no nosso território e que se aplica também às entidades envolvidas, dado a recetividade que têm demonstrado na execução do mesmo

Os objetivos há muito que estão definidos e que passam essencialmente pelo desenvolvimento pessoal, proximidade com a comunidade, promoção do território, experimentação artística, dinâmicas associativas, ações conjuntas entre diferentes áreas da sociedade etc. Este projeto artístico assenta no universo da pastorícia, nomeadamente reporta-nos para o tempo da vinda dos rebanhos das encostas da serra da Estrela até ao Montemuro. Não é uma recriação histórica embora muitas das referências expostas a ela estão ligadas. Procuramos que esta realidade, não muito distante, nos servisse de base para podermos explorar dentro do campo da ficção, uma narrativa lógica e coerente, respeitando a história mas acrescentando situações que apenas servem esta nossa história

A junção de diferentes linguagens artísticas (Musica, dança e interpretação. Só possível porque a associação tem essa valência) é também mais um desafio que o projeto acarreta, mas que certamente será uma mais-valia no conjunto final. Acreditamos que o afinco que todos têm demonstrado na criação desta iniciativa vai certamente provocar emoções e sensações diversas a quem nos irá ver.

Pág. 2 de 4